OURÉM – CPCJ apresenta números: exposição a comportamentos que afetem gravemente a...

OURÉM – CPCJ apresenta números: exposição a comportamentos que afetem gravemente a segurança ou o equilíbrio emocional das crianças é a problemática mais frequente no concelho

A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens em Perigo de Ourém reuniu na sua modalidade alargada, no Salão Nobre do Edifício-sede do Município de Ourém. A reunião teve como pontos da ordem de trabalhos a apresentação e votação do Relatório Anual de Avaliação do trabalho da CPCJ em 2019 e do Plano Anual de Atividades para 2020. A Presidente da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens em Perigo de Ourém, Otília Simões, dirigiu os trabalhos e numa primeira fase agradeceu o trabalho desenvolvido por todos os membros desta Comissão, seguindo-se uma apresentação dos dados de 2019 referentes à atividade da CPCJ e às várias iniciativas desenvolvidas ao longo do ano. O Plano de Atividades para 2020 elencou uma série de iniciativas que estão previstas realizar junto das crianças e jovens acompanhadas pela CPCJ de Ourém, assim como dos seus familiares e restante comunidade. Os dois documentos foram sujeitos a votação e aprovados por unanimidade.

Da análise ao relatório de atividades de 2019 importa salientar:
– Processos ativos em dez/19 = 112;
– Média processos ativos =118,08/mês;
– Processos arquivados = 119 (média /mês = 9,91);
– Processos em que foi requerida a intervenção judicial ao MP = 15;
– Freguesias com > n.º processos: Piedade (37,33%) e Fátima (30, 27%);
– Freguesias com < n.º processos: Matas/Cercal e Casal dos Bernardos/Rio de Couros (2,2%); Gondemaria/Olival, Urqueira, Seiça e Freixianda/Ribeira do Fárrio/Formigais (3,3%), Atouguia e Espite (4,3%), Caxarias (7,6%) e Misericórdias (14,12%); – Média etária = 11,50 anos; – Problemáticas mais frequentes: Exposição a comportamentos que afetem gravemente a sua segurança ou o seu equilíbrio emocional (47) e Negligência (27), A criança/jovem assume comportamentos que afetam o seu bem-estar (15); – Média de entrevistas = 13,58/mês; Número médio de menores abrangidos por entrevistas/mês = 19,75; – Número total de entrevistas = 163 entrevistas; – Total de Visitas Domiciliárias = 12 – A concretização de iniciativas como o “Laço Humano Azul”, a “Mala da Prevenção”, a conferência “Violência Doméstica- Reflexões teóricas e implicações práticas”, a “Semana Aventura” e a “Música para Bebés”, entre outras atividades. O Plano de Atividades para 2020 mantém grande parte das iniciativas “emblemáticas” da CPCJ de Ourém e apresenta novas ações como são exemplo os programas de educação parental “Mais Família, Mais Criança” e “Anos Incríveis”. www.cm-ourem.pt

SEM COMENTÁRIOS