MÉDIO TEJO – Vespa asiática começa a reaparecer na região. Em Ferreira...

MÉDIO TEJO – Vespa asiática começa a reaparecer na região. Em Ferreira do Zêzere, por exemplo, já foram instaladas 1150 armadilhas

A região do Médio Tejo já começa a ser “palco” para algumas nidificações – ainda primárias – da vespa asiática. A presença deste predador é cada vez mais uma realidade, pelo que a prevenção assume, neste particular, uma especial importância. Prevenção essa que começa em cada cidadão, especialmente aqueles que possuem terrenos. Nesta fase, na região, o concelho de Ferreira do Zêzere é um dos que assume a dianteira preventiva, sendo que por todo o território já foram colocadas 1150 armadilhas, em especial na linha de água da albufeira da barragem de Castelo de Bode. Este trabalho está entregue à “Enxame d’Abelhas”, empresa especializada no combate à vespa velutina. Diogo Simões, em declarações à nossa redação, fez um ponto de situação em torno do trabalho que já decorre no terreno, referindo que a actual pandemia está a atrasar alguns dos procedimentos:

SEM COMENTÁRIOS